Vai iniciar uma empresa ? Veja algumas de nossas orientações !!!

Vai abrir um negócio, é preciso estudar bem antes de tomar as primeiras decisões.

Muitos são os motivos para abrir-se uma empresa. Uma nova oportunidade de negócio, a expansão de um grupo e, um fator bem comum entre as micro e pequenas empresas: A REALIZAÇÃO DE UM SONHO. A questão é que: Se não tomar alguns cuidados este sonho pode tornar-se um pesadelo.

As melhores idéias, parecem surgir do nada. São encontradas nas esquinas, na fila dos supermercados, nos bate-papos nos restaurantes, até mesmo em observação a nossos clientes. O importante aqui, é não desperdiçar nenhuma delas por menores que sejam.

Ficar atento a idéias que a aparentemente são simples, é muito importante. 

Grandes projetos surgiram de idéias que a princípio eram modestos. Projetos simples, consequentemente são mais fáceis de por em prática.

*A partir daí, o primeiro passo é fazer uma pesquisa própria de mercado e sentir o grau de aceitação de seu produto ou serviço. Uma boa maneira de começar é olhar para seu produto/serviço com os olhos do cliente/consumidor.

Mas vale obsevar que boas idéias não bastam. É preciso PLANEJAMENTO !

Interessante as considerações feitas pelo  Sr. Reinaldo Miguel Messias (Consultor do Serviço de Apoio a MIcro e Pequenas Empresas do Estado de São Paulo/SP) em entrevista a revista específica. Vejamos a seguir:

*O empreendedor deve estar atento a alguns quesitos fundamentais na hora de abrir o negócio:

   a) propósito

   b) processo

   c) pessoas

   d) prazer

PROPÓSITO (o quê) - É aquilo que vai orientar a sua busca por um negócio.

PROCESSO (como - É o processo, no caso, processo de fazer, de vender e controlar.

PESSOAS (com quem) - É impossível conduzir qualquer pessoa sozinho. Precisa-se de pessoas, e este contexto trata-se de pessoas "donos" e pessoas "colaboradores". A cumplicidade e a complementariedade é que vai fazer com que as pessoas, trabalhando em processos adequados, atinjam o objetivo.

PRAZER - Nada vai dar certo se o empreendedor não gosta do que está fazendo. Negócios passam por turbulências; se não gosta muito do que está fazendo, na primeira turbulência, não vai procurar o que fazer, vai fechar.

10 DICAS PARA O EMPREENDEDOR QUE QUEIRA ABRIR UM NEGÓCIO.

1. Empreender naquilo que conhece e gosta.

     * A receita para seu negócio dar certo é "empreender naquilo que a gente tem domínio

        Ex.: - a costureira, monta um confecção ou loja de roupas;

               - a cozinheira, um restaurante;

               - o médico, uma clínica, etc.

2. Avalie a viabilidade financeira frentea idéia e a oportunidade.

     * Não adianta gostar, o negócio tem que ser viável, tem que gerar lucro.

        (...) quando se pensa numa empresa, é importante pensar que cada centavo investido, vai ter que retornar com a medida do tempo.

3. Cuidado com a escolha do sócio.

    * É muito comum escolher sócio como o "cara que tem o dinheiro que preciso" para implantar meus projetos, o que parece melhor ainda: a um baixo custo. Isso pode acabar custando caro de mais. 

     Sócio e um complemento de conhecimentos e atitudes que você possui. Não é igual a você, mais é uma nova visão. Os dois tem que enxergar juntos numa mesma direção.

 4. Avalie a diferenciação de seu negócio.

     * Negócio bom, é aquele que se diferencia dos demais - ser diferente é agregar outros valores. O "mais um" está dividindo um bolo que todos já comem.

5. Esteja seguro de seus gastos, despesas e custos.

     * Conheça em detalhes a parte financeira do noegócio que pretende empreender. Em síntese: tenha domínio.

     Sem controle financeiro é impossível gerenciar qualquer instituição. É fundamental, em especial, quando está se iniciando uma atividade econômica saber onde está colocando cada centavo e como está retornando (despesa/receita).

6. Considere sempre possível gastos adicionais.

     * Sempre esquece-se detalhes quando estamos fazendo o planejamento. Gastos com segurança, hidráulica, adequações as exigências dos órgãos governamentais, etc.

7. Trabalhe com pessoas que conhecem do negócio tanto quanto você.

    * Mesmo que custe um pouco mais é sempre bom evitar que os outros errem por vocês.

       Sempre é bom contar com a competência. Quem paga pouco, recebe pouco.

       Cuide da competência, na edaquação, no perfil da aparência, na adequação, no perfil da aparência. Estas pessoas tem que conhecer bem o negócio.

8. Cuide bem do seu capital de giro.

     * A pergunta quase sempre é a mesma: Será que preciso de tudo isto ?

      A gente tem um ímpeto de sair comprando tudo que nos oferece e que precisamos. Em uma empresa que está iniciando muitas vezes o mais seguro a fazer é alugar, arrendar, pedir emprestado a um amigo, fazer um contrato de comodato, etc. 

       E não viva na ilusão. Em se tratando de um negócio que mal saiu do papel, o único que acredita nele é você.

9. Um contador competente é um diferencial imprescindível nos dias atuais.

     * Geralmente, as pessoas procuram um contatador pelo "barato" e quase nunda pela "competência".

      Neste caso em específico, a probilidade do velho ditado vir atona é muito provável: o barato pode sair caro.

      No mercado atual, é importante observar alguns detalhes no momento da contratação de um contabilista.

      - Estrutura;

      - Resciclagem e qualificação dos profissionais de Contabilidade;

      - Experiência com empresas do mesmo ramo que o seu;

      - Indicação de clientes do escritório, etc.

10. LUCRO: A unica forma de garantir o retorno dos investimentos.

       * Negócio foi feito para gerar lucro, não amizade e relacionamento.

      Parte do lucro, é o que consegue manter seu capital de giro dentro da necessidade, a outra parte será responsável pelos investimentos para gerar alavancagem. 

ERROS MAIS COMUNS QUE COMETE-SE AO INICIAR UMA ATIVIDADE.

1. Ansiedade

    * a ansiedade leva a falta de planejamento e a falta de domínio do negócio.

2. Boa idéia sem dinheiro

    * Ter uma boa ideia é tudo. Mentira ! 

       Ter dinheiro para implementar esta idéia é fundamental. 

       A fonte de obtenção destes recursos deve ser autamente planejada.

3. Copiatividade invejosa.

     * Abrir um negócio porque um amigo abriu e deu certo.

4. Achar que é o dono da verdade.

    *Achar que é um especialista em todos os assuntos é um erro que pode ser fatal.

      O ideal é que contrate um "consultor" ou "analista administrativo", especialmente no inicio das atividade e periodicamente do desenvolver do negócio.

      Há pessoas que temos que ter ao nosso lado para fazer com que ganhemos mais dinheiro, a outras para fazer com que percamos menos dinheiro.

 

O sucesso é para todos...
    A permanência nele, são para os que se organizam e planejam !
(Gilson D. Oliveira / Analista Administrativo)

Fonte: Arquivo