A inflação prevista para 2015 ultrapassa os 9%. Você está preparado?

Não trago novidade alguma ao dizer que o brasileiro está sentindo forte no bolso o peso da inflação.

Governantes que à pouco diziam que a inflação estava sobre controle, já estão medindo as palavras quando o discurso ou entrevista aborda o tema.

O brasileiro que não muito longe, se endividava no cartão de crédito ou em financiamentos a longo prazo comprando aquilo que não era tão urgente para o hoje, endividam-se na tentativa de sobreviver, mantendo um padrão de vida atrelado a compromissos do passado, esperançosos que a "tempestade logo vai passar".

No mercado, o reflexo é alarmante.
Basta olharmos para as concessionárias lotadas de veículos e com metas de vendas para cumprir; restaurantes de bairros que cotidianamente frequentados por famílias, hoje recebendo no máximo, pessoas que trabalham em empresas ao seu redor;  a construção civil, praticamente estagnou-se, derrubando em um efeito dominó os faturamentos das empresas que dependem daquele setor. Quando se vê construções em andamento, são contratos fechados em anos anteriores, um ou outro, tem data de assinatura deste ano de 2015.

A questão é: você está preparado e tomando as medidas certas
Ou está pegando dinheiro no banco para tampar o rompo financeiro que já começa a aparecer e em tentativa desesperada de sobreviver ao "temporal" que aí se forma?

É hora de parar, se ORGANIZAR e fazer um PLANEJAMENTO baseado na coerência e responsabilidade.
Não dá mais para administrar pensando no hoje e contando com a sorte no que há por vir.

A necessidade de um planejamento a longo prazo é urgente.

Fica nossa dica.

Caso queira informar-se mais sobre os indíces de inflação e a expectativa do mercado para este ano e o próximo, indicamos uma matéria que hoje foi publicada na página do g1.globo.com.